Prêmio Chico Mendes Responsabilidade Socioambiental

por Projeto Água

Em 02/06, fomos homenageados com o Prêmio Chico Mendes Responsabilidade Socioambiental. A ONG Projeto Água, idealizada por Ivens Paulo Dias da Silva e como mantenedora principal a Carbografite Equipamentos Industriais LTDA, foi escolhida pelo Presidente da Câmara de Vereadores de Petrópolis - Vereador Paulo Igor, para esta homenagem.

Sobre o prêmio:

A premiação tem por objetivo homenagear anualmente pessoas que se destacam em atividades ambientais realizadas no município.
O Projeto de Resolução, iniciativa do vereador Silmar Fortes (PMDB), observa que cada parlamentar poderá premiar um homenageado por ano. Os vereadores tiveram prazo até o dia 5 de maio para fornecer à mesa os nomes e currículos, ou projetos executados pelos indicados. A premiação será realizada sempre em junho de cada ano, mês em que se comemora o Dia Mundial do Meio Ambiente.
“O prêmio tem a intenção de incentivar e destacar ações que tenham por objetivo a preservação da natureza, num momento em que se discute em todo o mundo o aquecimento global, a escassez da água, os desmatamentos e as queimadas. A ocasião também é oportuna pelo fato de estar tramitando nesta Casa o Código Ambiental de Petrópolis, onde propusemos diversas emendas e discutimos na Câmara Legislativa, buscando o melhor e mais completo acervo de normas para cuidar das questões ambientais de Petrópolis, portanto, esta solenidade é também um momento de reflexão sobre a importância do meio ambiente na qualidade de vida no município”, ressaltou Silmar.
O vereador explicou ainda os motivos que o levaram a escolher o nome do ativista ambiental para o prêmio. “Chico Mendes é um exemplo a ser seguido. Ele lutou pelos seringueiros, participou de lutas para impedir os desmatamentos. Defendeu também a posse da terra pelos habitantes nativos. Essa luta fez com que entrasse em conflito com empresários, donos de madeireiras. Em 22 de dezembro de 1988, Chico Mendes foi assassinado, ele tinha apenas 44 anos. Enfim, ele deu a própria vida à causa ambiental”.
Em dezembro de 1990, a justiça brasileira condenou os fazendeiros Darly Alves da Silva e Darcy Alves Ferreira, responsáveis pela morte de Chico Mendes, a 19 anos de prisão. Em 16 de dezembro de 2013, foi publicada no Diário Oficial da União a Lei que declara Mendes como o patrono do Meio Ambiente no Brasil.

03jun2016
Água é VidaÁgua para todosHorta EscolaJardim dos SentidosPrêmiosReflorestamento